Seguidores

Google+ Followers

terça-feira, 16 de dezembro de 2008

Casaqueto Fire Frisson


por Milady

Casaqueto em fio de algodão e viscose, perfeito para o clima brasileiro. Em ponto meia e ponto rendado, com modelagem reta e mangas raglã, é tecido de forma invertida. O trabalho é iniciado no decote em direção as mangas e corpo da peça. Fácil, rápido e praticamente sem costuras.


Material

• 3 (4,5) novelos de 100 gramas do fio Frisson (55% algodão, 45% viscose) (Circulo) cor vermelho fogo (36110)
• Agulha circular 3,5 de 60 cm no mínimo
• Agulha circular 4,5 de 40cm e 80cm (a agulha circular de 40 cm pode ser substituída por jogo de 5 agulhas (agulhas de pontas duplas para a execução de meias, gorro, etc)

• Agulha de crochê 3,0
• Afinetes para colocar pontos a espera (podem ser substituidos por pedaçõs de fios de cor contrastante)
• 4 marcadores para pontos (podem ser substituídos por pequenos alfinetes de segurança ou mesmo pedaços de fios de cor contrastante, presos ao trabalho)

Grau de dificuldade da receita: intermediário

Sugestão para fios alternativos
Class (Aslan)
Fiocel (Pingoin)
Ibiza (Pingouin)

Pontos empregados

• Cordões de tricô (direito e avesso sempre em meia ou sempre em tricô)
• Ponto meia (direito em meia e avesso em tricô)
• Ponto rendado
Quantidade de pontos multiplo de 4 mais 2 pontos
1ª carreira: 1 meia, *2 juntos em meia, 2 laçadas, 2 juntos em meia * terminando com 1 meia. Repetir as intruções de * a *
2ª carreira: 1 tricô, * 2 tricô, 1 meia, 1 tricô *, terminando a carreira com 1 tricô. Repetir as intruções de * a *
Repetir sempre essas 2 carreiras

Obs.: ao tricotar as 2 laçadas, tricote a primeira em tricô e a segunda
em meia.

Amostra de 10cm com a ag. 4,5: 22 pontos x 26 carreiras tecidas em ponto meia.


A foto mostra o modelo tecido para o tamanho P (86 cm). As intruções entre parenteses referem-se aos manequins M (91cm), G (111cm) e GG(121cm). A medida de referência para o modelo é a medida do busto.






Execução

Montar 83 (89, 99, 111 ) pontos na ag. circular 3,5, não fechar o círculo.
Tecer em cordões de tricô por 3cm ou 12 carreiras
Mudar para a agulha 4,5 e marcar a posição do raglã, a saber:
posicionar os marcadores de pontos após o 17 ponto, 22, 61 e 66; M (19, 24, 65 e 70), G (20, 27, 72,79), GG (23, 30, 81, 88).


Formação do Raglã
Modele a pala do ralã tecendo em meia até 1 ponto antes do marcador, 1 laçada, 1 meia, 1 laçada (frente esquerda), continue a tecer em meia até um ponto antes do marcador seguinte, 1 laçada, 1 meia, 1 laçada (manga esquerda), continue a tecer em meia até o próximo marcador , 1 laçada, 1 meia, 1 laçada (costas), continue em meia até o próximo marcador, 1 laçada, 1 meia, 1 laçada (manga direira), termine a carreira em meia (frente direita).
Ao concluir esta carreira você terá 91 pontos nas agulhas.
Na carreira do avesso tecer acompanhando o ponto.
As laçadas devem ser tecidas normalmente em tricô (para aparecer o furinho do aumento).

Repetir a sequencia de aumentos por mais 22 vezes em carreiras alternadas.

Continue a tecer por mais 12 carreiras, porém ao invés de fazer os aumentos , você irá simulá-los tecendo da seguinte maneira: teça em meia até 2 pontos antes da laçada da carreira anterior, 2 juntos em meia, 1 laçada, 1 meia, 1 laçada, um mate simples. Repita esta seqüência para cada parte da peça.

Ao final de todos os aumentos verdadeiros e aumentos simulados seu raglã estará completo e deverá ter 26 furinhos (os furos são provenientes dos aumentos feitos por laçadas).

Observe que para os manequins maiores a quantidade de pontos será diferente logo a quantidade de carreiras que formam o raglã também o serão. Divida as seções da peças colocando os pontos da frente e costas e mangas a espera .

Corpo e mangas


Corpo

Com o direito do trabalho para cima e a ag. 4,5 teça em meia os pontos referentes a frente esquerda, aumentando 10 pontos ao final destes pontos, continue tecendo em meia os pontos deixados a espera para as costas, aumente 10 pontos e retome os pontos deixados a espera para a frente direita. Após retomar todos os pontos você terá 181 (191, 241, 261) pontos nas agulhas.
Continue tecendo em ponto meia por mais 10 (12, 14,16)cm
Mude para a ag. 4,0 e teça 10 carreiras em cordões de tricô (5 cordões), diminuindo na última carreira 3 pontos distribuido.
Mude para a ag. 4,5 e teça em ponto rendado por 10 (12, 14,16)cm
Mude para a ag. 4,0 e teça mais 10 carreiras. Arremate todos os pontos tecendo 2 juntos em trico.

Mangas
Com o direito do trabalho para cima e a ag. 4,5 de 40cm emende o fio no inicio da manga direita e teça em meiaaumentando 10 pontos ao final da carreira. Ao retomar todos os pontos você terá 61 (71, 71, 71)pontos
Feche o círculo tomando cuidado para não torcer os pontos na agulha.
Marque o início da volta (você estará tecendo em círculo) e continue a tecer em meia. Diminua 1 ponto a cada 8 voltas antes e depois da marcação por 5 vezes.
Continue tecendo até o comprimento desejado.
Tecer 1 carreira em ponto passa fita: *1 meia 1 laçada, 2 juntos em meia *, repetir de * a *.
Teça mais 10 carreiras em cordões de tricô e arremate.
Teça a outra manga igual.

Arremate

Com a ag. 4,0, levante os pontos na frente direita , teça 10 carreiras em cordões de tricô e arremate. Faça o outro lado igual.
Costure as mangas ao corpo.
Vista a peça e marque a posição das tiras para amarração. Com a ag. de crochê, faça uma correntinha com mais ou menos 20 cm e teça 1 carreira em ponto baixo e outra carreira em ponto carangueijo.

--

2 comentários:

fiatricoecroche disse...

oi ceci como vc ta faz tempo que a gente não se fala como anda as coisa por ai tudo bem de noticias ..... bjssss

Edilene disse...

Oi Ceci...
tudo bom?
Obrigada pela visita, volte sempre!
Minina, que bloguinho recheado de coisinhas lindas.... amei tudo...
PArabéns....
Muito obrigada por este trabalho lindo e pela receita.
Abraços
Edilene Brasilia DF

layout